Home|Imunecare
SJC
 
 

VACINAS / PERGUNTAS FREQUENTES

 

1. Por que devo vacinar?
A necessidade da vacinação dá-se para a proteção contra diversas doenças contagiosas como: tuberculose, tétano, coqueluche, hepatites, sarampo, catapora, meningites, entre outras.

2. O que é calendário vacinal?
É uma sequência cronológica de vacinas que se administram sistematicamente com o objetivo de obter uma imunização adequada da população contra as enfermidades para as quais se disponibilizam de vacinas.

3. As vacinas realmente funcionam
Sim, se receber a vacina correta no momento indicado, as chances de adquirir algumas dessas doenças é muito menor.

4. Como é feita a vacina?
A maioria das vacinas é composta de bactérias ou vírus cultivados em laboratórios. Estes agentes são tratados para que percam o seu poder de contaminar, mas não a capacidade de estimular a produção de anticorpos que são os responsáveis pela defesa do corpo. Outras vacinas são elaboradas com técnicas de engenharia genética, não se utilizando dos microorganismos para fazê-las. Uma vez que a vacina seja realizada, o organismo produz os anticorpos como se tivesse sido contaminado pelo agente, mas sem adoecer.

5. Quando meu filho deve ser vacinado?
Todas as crianças quando nascem têm defesas contra infecções que a mãe tenha tido ou contra as quais tenha sido vacinada anteriormente, pois os anticorpos são transmitidos pela placenta. Estas defesas maternas vão se esgotando a medida que a criança vai crescendo, surgindo a necessidade da fabricação de suas próprias defesas. Sabe-se, portanto, que as vacinas devem ser iniciadas ao nascimento, recebendo a maior parte das vacinas durante os primeiros dois anos de vida. É justamente nessa fase da vida que as doenças são mais freqüentes e costumam se apresentar de forma mais grave com maior mortalidade.

6. A vacinação é segura?
Reações às vacinas podem ocorrer, mas são geralmente leves. As reações graves são muito raras, mas podem ocorrer.
Lembre-se: Os riscos da doença são maiores que os riscos de uma reação grave à vacina.

7. A vacinação é dolorosa?
A maior parte das vacinas é injetável e pode doer um pouco. Pode acontecer também um inchaço no local da injeção. Entretanto, o desconforto pode ser justificado pela proteção que é conferida.

6. O que faço com as vacinas atrasadas?
Apesar de muitos acharem que o esquema vacinal deva ser reiniciado, sabe-se que dose realizada é dose válida. Portanto, caso ocorra atraso vacinal, o esquema deverá ser completado a partir da última dose realizada.

7. Quanto tempo após a realização da vacina a pessoa estará protegida?
Usualmente a produção de anticorpos inicia-se cerca de 10 a 15 dias após a vacinação, entretanto há pequenas particularidades em tipos de vacinas distintos. Sabe-se, portanto, que a eficácia esperada na vacinação relaciona-se com a realização completa do esquema vacinal proposto nas orientações dos órgãos científicos competentes. 

8. Por que devo escolher a Imunecare?
Sabe-se que a eficácia da imunização (produção de anticorpos pelo indivíduo) depende de um processo complexo que não se restringe apenas ao ato da aplicação da vacina. 
A Imunecare está devidamente regulamentada pelos órgãos de saúde e sanitário competentes. Portanto, preocupa-se com condições de armazenagem e transporte adequados das vacinas, bem como treinamento técnico-científico dos profissionais envolvidos para a segurança e eficácia de todo o procedimento vacinal.